Macumba existe?

A palavra macumba é muito popular e cada pessoa é capaz de caracterizar ela de forma diferente. Para muitos, quando se fala em macumba, logo se lembram de feitiçaria. Mas, na verdade a macumba tem origens muito diferentes do que as pessoas costumam identifica-la.

macumba

A macumba enquanto cultura 


A macumba se refere ao Candomblé e a Umbanda, são formas de cultos que são realizados costumeiramente em diversos países pelo mundo, principalmente na América latina e na África. 

O fato de ver a macumba como uma má sorte ou então como um esforço que procura prejudicar alguém em especial é algo criado pela superstição das pessoas. Já que esses rituais não tem como objetivo causar o mal. São um espécie muito completa de rituais para aqueles que praticam, assim como um tipo de doutrina ou religião que eles seguem. 


Pode-se considerar até mesmo que seja um tipo de ritual semelhante aos rituais de qualquer outra religião que funciona para todas as pessoas que creem que eles podem se concretizar. 

Na teoria, a macumba é uma prática de fé como outra qualquer. A partir do momento que alguém tem algum desejo e objetivo, usa desses cultos para atingi-lo. Se uma pessoa deseja fazer o mal, automaticamente é o mal que ela deverá atrair também para si. Já se alguém deseja o bem, e é isso que ela emite, então automaticamente a sua fé irá atrair aquilo que ela deseja. 

Um complemento a visão 

A macumba também pode ser caracterizada como a materialização de energias negativas que alguém direciona para uma outra pessoa quando deseja prejudicar esta. Isso na verdade, é algo criado pela mente da pessoa, desejar o mal para outra pessoa é algo muito comum. Mas, como vimos no trecho anterior aquele que procura fazer o mal respinga-se do próprio ódio e acaba sofrendo com a própria maldade. 

Portanto, macumba é algo a se crer ou não, de acordo com cada tipo de pensamento. Quem não acredita que a macumba possa gerar algum tipo de mal, está protegido dela. 

Quem acredita no bem e o pratica, não precisa temer nada de ruim. A fé na luz é o escudo que protege o corpo e a alma da maldade dos homens. A gente é na verdade aquilo em que acreditamos, atraímos aquilo em que acreditamos e portanto quem está do lado da bondade, não poderá jamais ser atingido pelo mal, jamais! 

0 comentários:

Postar um comentário

 
Só simpatias | © 2013 Design by